terça-feira, 27 de agosto de 2013

Artesanato Alentejano

O belo artesanato do Alentejo, na feira da Sonega Santiago do Cacém.
Alguns artesãos das redondezas expuseram os seus trabalhos e também com o intuito de vender algumas das suas peças.
Estes trabalhos foram os que eu pensei selecionar, para vos mostrar o que de melhor cá se faz.
São trabalhos simples e outros mais elaborados, mas num todo, são trabalhos feitos com muito amor e gosto pela arte...





 Esta minha amiga, é uma das artesãs, que realiza trabalhos bastante interessantes e de grande diversidade de técnicas e materiais.
Também pinta as suas telas com um colorido e traço muito seu...
Como tal apresento alguns dos seus trabalhos  expostos na mesma feira que visitei...




Espero que gostem desta mesma apresentação.... de trabalhos muito típicos de uma região...

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

As minhas aventuras na pintura...

Mais uma das minhas pinturas que vou colocar no meu corredor, jarros de que eu gosto muito...
Este quadro ainda foi começado antes dos potes, mas no entanto, foi acabado depois. O que mais me custou foi dar forma à folha do jarro...

 De seguida apresento a evolução que foi tendo... já se sabe que foi devagar, mas o que interessa é que foi terminado e um outro tomou o seu lugar.
Depois mostrarei o desenrolar da ação e onde fui tirar a ideia..



 Voltarei em breve, para vos dar conhecimento das minhas maluqueiras...
No entanto as aulas estão a começar e tempo livre vai ficar mais escasso... mas também adoro os meus meninos e estou desejando tê-los comigo...

domingo, 25 de agosto de 2013

Artesanato Alentejano

Mais uma pequena amostra do que é feito, em matéria de artesanato no Alentejo, mais propriamente na localidade onde resido, Vale de Água...
E como não podia deixar de ser, lá está presente a matéria prima que mais  se destaca nesta região, A CORTIÇA...
Este senhor não é um artesão... é alguém habilidoso, que gosta de talhar a cortiça e fazer trabalhos que por todos são admirados... e o senhor gosta de mostrar com um sorriso simples estampado no rosto...
 O seu cão também é um grande artista... pois dava gosto vê-lo a puxar o carrinho do dono, nas suas voltas e reviravoltas, consoante o dono dizia para fazer.
Foi muito engraçado e divertido. As crianças adoraram ver tudo isto que lhes foi proporcionado... 










Aniversário da freguesia onde resido




Peço desculpa de só agora vos mostrar as ruas enfeitadas no 15º aniversário da freguesia onde resido, mas o tempo foi passando e só agora me relembrei que ainda o não tinha feito. Pois mais vale tarde do que nunca... 
As ruas estavam muito bonitas, enfeitadas com as suas flores de papel, feitas por mãos prendadas das alentejanas desta terra pequenina, mas amiga de receber quem a visita... 
Desta festa também fez parte o desfilar e participação de alguns ranchos folclóricos, que nas suas apresentações deram alegria e diversão às pessoas da localidade e outras que se deslocaram para assistir e participar nas festividades... 
O Alentejo mais uma vez, com o seu artesanato muito peculiar, das flores de papel, quis dar vida e prolongamento das tradições de um povo de ondule calma, pacata e tão peculiar na sua maneira de ser...  



sexta-feira, 23 de agosto de 2013

As minhas aventuras na pintura


Gostei muito deste projeto de pintura com técnica de aplicações para a minha cozinha
 Seguidamente, mostro imagens do progresso do meu trabalho...
 foi colocada pasta, papel e areia nos diferentes potes, depois dei inicio à pintura...

 Num nível mais adiantado...



E a sua finalização... 

quarta-feira, 24 de julho de 2013

Reciclagem com sacos de plástico

Esta maneira de reciclagem é no mínimo, muito engraçada, fazer recipientes para colocar  lápis, afias e etc., nas nossas escolas, com sacos plástico.
Só precisamos de sacos de plástico coloridos, tesoura, um recipiente/copo de vidro para servir de molde e um soprador de ar quente ou um secador de cabelos de alta potência.

Recipientes criados usando sacolas plásticos recicladas
Material para fazer os recipientes




Escolher alguns sacos de plástico, o soprador ou secador de cabelo e uma tesoura.

Separe o seu recipiente de vidro e uma folha de plástico




Separe o recipiente de vidro escolhido e uma folha de plástico já cortada no tamanho certo. Lembre-se, o molde precisa de ser de vidro, para resistir ao calor.





Corte as alças e a base das sacolinhas


Corte as alças e a base das sacos, abra e divida em dois pedaços. Esse tamanho vai depender do recipiente de vidro que  vai ser usado como molde. Adaptar os pedaços do saco conforme o recipiente.


Envolva o recipiente com o plástico

Envolva o recipiente com a folha de plástico, ajuste bem. Se der podes-se colocar as pontas de baixo do plástico, para o lado de dentro do vidro ou então pode amarrar com linha para não sair do lugar.


Aplique o soprador bem no alto do recipiente


Aplicar o soprador bem no alto do recipiente. Use uma luva para proteger suas mãos do ar quente ou tenha cuidado. Ao ser aplicado o calor o plástico começará a derreter. Siga movimentando o soprador ou o seu secador de cabelos, por todo o espaço do saco.


Aplique o soprador de cima para baixo em toda a volta do recipiente
Aplique o soprador de cima para baixo em toda a volta do recipiente. O plástico começará a tomar a forma do molde. Siga movimentando por todo os lados. Se aplicar o ar quente num único ponto, o plástico abrirá um buraco.




Termine de aplicar o soprador na base
Termine de aplicar o soprador na base do plástico.






Cubra o molde com uma segunda camada de plástico




Cubra o molde com uma segunda camada de plástico. Ajuste bem como da primeira vez.







Aplique o soprador novamente

Aplique o soprador novamente, exatamente como da primeira vez, começando pelo alto, depois descendo de cima para baixo. Ao terminar aguarde que esfrie bem.






Desencaixe o molde de dentro do plástico

Retire o recipiente de vidro de dentro do plástico derretido. O plástico esfria rápido e endurece imediatamente, assim essa etapa é muito fácil. Lembre apenas que o plástico está frio, mas o recipiente de vidro estará quente por mais tempo. Tome cuidado e espere esfriar totalmente.




Corte as rebarbas da abertura
Corte as pontas da abertura usando a tesoura. Se quiser um pouquinho mais baixo, ou para acertar a altura desejada.









Detalhe dos recipientes feitos com sacolas plásticas

O feitio ou formato dos recipientes vão sempre depender do que for escolhido como molde, é só usar e abusar da criatividade.


Estes recipientes podem ser usados para muitas coisas: como organizador de gavetas, como embalagem para os produtos artesanais e como é, impermeável, pode conter água ou terra, transformando-se em vasos para flores e mudas ou para as crianças colocarem os lápis de cor, canetas e etc.

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Reutilizar é preciso

Embalagens para presentes de tetrapack
Embalagens tetrpack de suco e leite se transformam em pacotes de presente
Que tal reciclar aquelas embalagens tetrapack de sumo e leite que vão para o lixo ou estão guardadas à espera de uma ideia? 
Pois, aqui vai passo-a-passo como se faz. Quem compartilhou esta ideia conosco, foi a Ana Carvalho. Pois a sugestão de reciclagem hoje fica por conta dessa artesã que faz muitas coisas bonitas, mas principalmente pensa na natureza. 
Convido-vos a visitarem o espaço dela para conferir suas artes com cabaças. Garanto que vale à pena. Cliquem Artes da Aninha Unaí 
Alise a embalagem para iniciar o trabalho
Precisamos preparar 
a embalagem, 
assim alise para facilitar
 o trabalho. 
Logo abaixo do bico 
faça uma dobra para 
marcar o local de corte.
Corte a aba superior fora, logo abaixo do bico. Abra sua embalagem e lave bem com água e detergente para retirar os restos de leite e suco que ainda estiverem dentro.
Corte a aba superior fora
Com a  embalagem úmida, comece a descascar a sua cobertura de papel
Com a embalagem 
húmida, comece 
a descascar a sua 
cobertura de 
papel impresso.
Ao terminar a superfície da caixa vai ficar somente no papelão, como na imagem ao lado. Dessa forma ao decorar sua caixa, as letras da embalagem do produto não vão estragar o efeito final.
A superfície da caixa vai ficar somente no papelão
Pinte a superfície com tinta PVA branca
Para um resultado
melhor, pinte a 
superfície da caixa 
com tinta PVA branca, 
a tinta a base de água 
ou use primário.
Deixe secar bem.
Passe cola branca sobre a caixa e vá aplicando o guardanapo. No lado de baixo deixe uma aba para dobrar e fazer o acabamento. Do lado da abertura corte o guardanapo bem rente. No final aplique sobre o guardanapo mais uma camada da cola branca.
Agora aplique o guardanapo decorado
Faça em cima uma acabamento usando viés ou uma tira de papel
Faça na parte de
cima um acabamento
usando viés ou até 
mesmo uma tira 
de papel. 
Use cola branca 
para fixar.
Realce os detalhes da figura aplicando tinta relevo colorida ou com glitter.
Realce os detalhes da figura aplicando tinta relevo colorida ou com glitter
Sua embalagem está quase pronta
Sua embalagem está 
agora com esse jeitinho, 
quase pronta, 
só falta o fechamento.
Para fechar faça com um furador um furo em cada lateral, bem centralizado. Depois passe por eles uma fita, um fitilho, uma cordinha ou palha da costa. Fica ao seu critério.
Para fechar faça furos no centro de cada lateral
Viram como fica um resultado super bonito? E dá pra inventar muita coisa usando essa dica.
Lembrem que em vez do guardanapo vocês também podem usar retalhos e outros tipos de tecidos, fica lindo com chita, por exemplo. Explorem e divirtam-se.
Ana, super obrigada por mostrar mais esse exemplo de pensamento sustentável. Transformando caixas tetrapack em embalagens de presente, você mostrou que além de economizar, deixamos de produzir lixo comprando caixas novas para nossos presentes. Mais uma sugestão das Artes da Aninha Unaí para anotarmos em nossa lista
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...